Weby shortcut
Youtubeplay

Projetos de Pesquisa em Andamento

Actualizado en 03/03/18 16:26 .
  • Desenvolvimento de Metodologias Computacionais Inteligentes para Apoiar Aplicações Industriais
    • Coordenador(a): Symone Gomes Soares Alcalá
    • Data de Início: 01/10/2016   
    • Data de Finalização: 30/09/2021
    • Grande Área: Engenharias
    • Área/Especialidade: Engenharia da Produção
    • Participantes/Servidores (UFG): Symone Gomes Soares Alcalá; Roberto da Piedade Francisco
    • Participantes/Estudantes externos: André Ribeiro Miranda (PUC-GO)
    • Participantes/Externos: Talles Marcelo G. de A. Barbosa (PUC-GO); Rui Alexandre de M. Araújo (Universidade de Coimbra, Portugal)
    • Resumo: Diariamente, indústrias precisam escolher políticas de produção adequadas que envolvem diferentes questões. Preço final e qualidade dos produtos são fatores relevantes e competitivos que podem determinar o sucesso de uma indústria no mercado. Entretanto, a escolha da política de produção adequada envolve outros fatores como, adequação aos regulamentos de segurança e ambientes; eficiência energética e de custo; melhor aproveitamento das máquinas industriais e dos bens-materiais. Neste cenário descrito, o desenvolvimento de tecnologias computacionais inteligentes não traz somente maior competitividade às indústrias, mas também ganhos de produtividade e qualidade, e uso eficiente dos recursos. Assim, este projeto de pesquisa busca desenvolver soluções computacionais inteligentes para melhorar a competitividade, aumentar os ganhos de produção e a qualidade dos produtos e processos industriais, e utilizar os recursos industriais de modo eficiente, motivando as indústrias do Estado de Goiás a participarem deste desafio.

 

  • Desenvolvimento de Técnicas de Sequenciamento para Otimização da Produção
    • Coordenador(a): Hélio Yochihiro Fuchigami
    • Data de Início: 01/12/2015
    • Data de Finalização: 31/12/2019
    • Grande Área: Engenharias; Pesquisa Operacional
    • Área/Especialidade: Engenharia de Produção; Pesquisa Operacional
    • Participantes/Servidores (UFG): Hélio Yochihiro Fuchigami
    • Participantes/Estudantes internos: Anayama Alves da Silva; Brenda Junqueira Ferreira; Paulo Antonio Martins Hordones; Victor Hugo Araújo Ferreira
    • Resumo: Este projeto de pesquisa propõe o desenvolvimento de técnicas de sequenciamento para otimização da produção em indústrias e empresas de serviços. A atividade de sequenciamento ou programação da produção (scheduling) é bastante complexa por lidar com diferentes recursos e um número de soluções possíveis que cresce exponencialmente com o número de tarefas e tem grande impacto nos resultados das empresas. Muitas empresas ainda realizam seu sequenciamento da produção de forma bastante simplista, como a utilização de planilhas eletrônicas ou até mesmo manualmente. Esta pesquisa auxiliará na proposição de técnicas mais elaboradas e eficazes em relação à qualidade do resultado e também mais eficientes computacionalmente. Serão abordados problemas de sequenciamento da produção Just-in-Time, uma filosofia empresarial que visa a eliminação de desperdícios. Concluir a execução de uma tarefa (produto ou serviço) antes ou depois do prazo contratado gera custos adicionais, pois as antecipações acarretarão custos de estoques, deslocamentos e riscos de deterioração, e os atrasos ocasionam multas e perdas de cliente. Portanto, a filosofia Just-in-Time objetiva entregar as tarefas o mais próximo possível dos prazos estabelecidos, ou seja, reduzir o total de adiantamentos e atrasos. Este estudo possui grande potencial de contribuição tanto teórica como prática para o desenvolvimento empresarial do país.

 

  • Dispositivos Inteligentes para Apoiar Tarefas Operacionais Complexas e Simultâneas em Processos Industriais
    • Coordenador(a): Roberto da Piedade Francisco
    • Data de Início: 09/02/2015
    • Data de Finalização: 01/08/2018
    • Grande Área: Engenharias; Gerência de Produção
    • Área/Especialidade: Engenharia de Produção; Planejamento de Instalações Industriais
    • Participantes/Servidores (UFG): Roberto da Piedade Francisco; Symone Gomes Soares Alcalá; Antonio Carlos de Oliveira Junior
    • Participantes/Estudantes Internos: João Batista de Lima Filho; Mathaus Muller Conceição Gonca; Matheus Leonardo Martins Ribei; Túlio de Melo Sobrinho; Vinícius de Faria Paula
    • Participantes/Externos: Daniel Pimentel Campos (PUC); Ricardo Luiz Machado (PUC)
    • Resumo: O desenvolvimento de sistemas inteligentes aplicado às atividades operacionais humanas assume, cada vez mais, um papel de destaque na Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I) em Gestão da Produção e Operações. Por outro lado, esta situação enseja uma oportunidade para ações de PD&I que possam aumentar o índice de tecnologia de ponta aplicada nas empresas nacionais. Assim, o Projeto Dispositivos Inteligentes para Apoiar Tarefas Operacionais Complexas e Simultâneas pretende desenvolver aplicações tecnológicas a serem produzidas por empresas de base tecnológica de média e alta complexidade, incluindo empresas start-ups nacionais. Este Projeto possui 3 etapas: 1) Concepção teórica e desenvolvimento de uma arquitetura de atividades operacionais humanas em tarefas complexas e/ou simultâneas fundamentada em abordagens Lean. Os objetivos principais da arquitetura estarão relacionados com a caracterização de setores industriais, dos respectivos processos de fabricação e logística, das atividades e tarefas humanas aplicadas em cada contexto, bem como das novas tecnologias e abordagens de processo que possa substituir as tecnologias correntes e alterar as habilidades e competências dos operadores industriais; 2) Concepção teórica, desenvolvimento, simulação e validação de sistemas computacionais e dispositivos piloto (gadgets) para o apoio às atividades operacionais humanas. Ademais, como suporte tecnológico para operação de tais gadgets propõe-se o desenvolvimento de sistemas de computação e aplicativos com tecnologia mobile específicos para funcionalidades distintas a serem aplicados nas operações de fabricação e logística; 3) Desenvolvimento de um projeto demonstrativo com aplicações práticas de protótipos de dispositivos inteligentes geridos por um sistema de gestão da informação em tempo real, apoiados por sistemas informáticos com capacidade de processamento de grande quantidade de dados (big data) e por tecnologias baseadas no conceito Internet das Coisas, específico para situações piloto simuladas e/ou aplicadas em situações reais.

 

  • Estudo Sobre Implementação de Práticas de Green Supply Chain Management na Indústria da Região Metropolitana de Goiânia
    • Coordenador(a): Maico Roris Severino
    • Data de Início: 01/08/2017
    • Data de Finalização: 31/07/2020
    • Grande Área: Engenharias; Engenharia de Produção; Gerência de Produção; Suprimentos
    • Área/Especialidade: Engenharia de Sistemas de Produção e Logística (SPL); Gestão Sustentável da Cadeia de Suprimentos
    • Participantes/Servidores (UFG): Maico Roris Severino; Symone Gomes Soares Alcalá
    • Participantes/Estudantes Internos: Rady Junior Aparecido Ribeiro; Kevin Rodrigues Ribeiro; Cesar Lucas Caetano de Abreu Lopes
    • Resumo: Uma demanda latente para área de gestão de operações é como tornar os sistemas de produção mais sustentáveis. Uma dos conceitos recentes que busca esta proximidade do ambiente produtivo às questões de sustentabilidade é o Green Supply Chain Management (GSCM). Por ser um tema contemporâneo, ainda existem poucos trabalhos na área, e uma escassez de pesquisas analisando casos da indústria brasileira. Durante pesquisas anteriores foi possível identificar diversas ferramentas, técnicas e tecnologias que são utilizadas para a implementação do GSCM, que o grupo de pesquisa as organizou em 8 práticas, sendo elas: Análise do Ciclo de Vida, Green Consumption, Green Design (Ecodesign), Green Manufacturing, Green Marketing, Green Packaging, Green Procurement e Green Recycling. As pesquisas anteriores revelaram também que a aplicação do conceito de GSCM de modo integrado é praticamente inexistente na indústria brasileira, e de modo especial a goiana. Sendo assim, verifica-se mais oportuno estudar as práticas num primeiro momento individualmente, colaborando para a implementação das mesmas, para posteriormente estudar de modo integrado. Assim, o objetivo geral desta pesquisa é desenvolver estudo sobre a implementação das práticas de GSCM, bem como desenvolver tecnologias de implementação, utilizando como estudo de caso setores da indústria da região metropolitana de Goiânia. Para tanto, buscar-se-á realizar pesquisa científica sobre a implementação de cada uma das práticas do GSCM por meio do estudo de caso de empresas da indústria da região metropolitana de Goiânia, e também, desenvolver tecnologias, tais como programas computacionais, que auxiliem na implementação de práticas de GSCM. Como resultado da pesquisa espera-se construir referenciais sólidos e análises que contribuam para a replicação deste estudo em outras realidades e fortalecer a implantação do GSCM nas cadeias produtivas brasileiras.

 

  • FASTEN - Sistemas de Manufatura Flexíveis e Autônomos para Produtos Sob-Medida
    • Coordenador(a): Gelson da Cruz Junior
    • Vice-Coordenadores: Roberto da Piedade Francisco; Cássio Dener Noronha Vinhal
    • Data de Início: 01/11/2017
    • Data de Finalização: 30/10/2020
    • Grande Área: Engenharias; Engenharia Elétrica; Eletrônica Industrial, Sistemas e Controles Eletrônicos; Automação Eletrônica de Processos Elétricos e Industriais
    • Área/Especialidade: Sistemas Inteligentes
    • Participantes/Servidores (UFG): Roberto da Piedade Francisco; Symone Gomes Soares Alcalá; Gelson da Cruz Junior; Cássio Dener Noronha Vinhal
    • Resumo: De acordo com o novo paradigma da Indústria 4.0 e o programa de colaboração UE-Brasil, a "visão" do projeto FASTEN deve ser um elemento chave da adoção completa das tecnologias Internet das Coisas (IoT) nas empresas de fabricação digital, envolvendo usuários finais e demonstrando tais tecnologias em ambos os lados do Atlântico. Este objetivo ambicioso será alcançado através da definição de objetivos comuns para a Europa e o Brasil, e através do desenvolvimento do "quadro FASTEN" em cima dos padrões disponíveis, hardware e software aberto. Este quadro será então utilizado para desenvolver soluções robustas para a entrega de produtos de design personalizado em grande escala, com custos unitários muito competitivos.
      A "missão" FASTEN é desenvolver, demonstrar, validar e divulgar uma estrutura integrada e modular para a produção eficiente de produtos altamente personalizados. Mais especificamente, o projeto FASTEN desenvolverá uma estrutura aberta e padronizada para produzir e oferecer produtos personalizados, e que seja capaz de funcionar de forma autônoma e oferecer produtos manufaturados de aditivos rápidos e de baixo custo. Isso será alcançado através do emparelhamento efetivo de serviços / produtos integrados digitais para processos de fabricação aditivos, além de ferramentas para descentralizar a tomada de decisões e o intercâmbio de dados. Tecnologias de software sofisticadas para auto-aprendizagem, auto-otimização e controle avançado serão aplicadas para construir um sistema de fabricação de aditivos conectado completo. A demonstração das tecnologias será realizada em dois casos piloto: um deles especificado pela ThyssenKrupp (TSK) no Brasil e outro pela Embraer Portugal (EMBPT), em Portugal.

 

  • Pensamento Enxuto
    • Coordenador(a): Tiago dos Santos Almeida
    • Data de Início: 15/11/2016
    • Data de Finalização: 31/12/2020
    • Grande Área: Engenharias; Gerência de Produção
    • Área/Especialidade: Engenharia de Produção; Gerência de Produção
    • Participantes/Servidores (UFG): Tiago dos Santos Almeida; Hélio Yochihiro Fuchigami; John Edward Neira Villena; Jonas Bertholdi; Rainan Rarisson Ferreira da Silva
    • Participantes/Estudantes internos: Amanda Mendonça de Oliveira; Gabriel Vitor Sousa Dias; Larissa Veloso da Silva; Rodrigo Mendonça Borges Campos
    • Resumo: A produção lean, originada através do Sistema de Produção Toyota, traz como recomendação a constante busca pela perfeição, por meio da contínua melhoria organizacional. A aplicação do lean nos processos produtivos é chamado de enxuto• em função de utilizar quantidades menores de todos os elementos de produção em relação ao conceito de produção em massa. Consequentemente, o resultado deste esforço pela redução, traz uma série de benefícios nas movimentações de materiais, utilização de mão de obra e espaço físico dos processos, possibilitando maior assertividade nas etapas de produção, tempos de entregas e minimização dos custos operacionais. O objetivo geral deste projeto é desenvolver o conhecimento dos métodos e ferramentas da filosofia lean em empresas, com o propósito de eliminar os desperdícios, reduzindo os custos operacionais, tornando seus preços mais competitivos em seu mercado de atuação. Com a aplicação da metodologia lean, espera-se obter a redução dos desperdícios operacionais, tendo como resultado principal preços de vendas mais competitivos, aumentando assim os lucros da empresa estudada, e também para os seus clientes.

 

 

 

 

 

 

Todas las páginas Volver